Aviso Semanal – 19

semanal

A semana: O comportamento volátil dos mercados na semana que passou é evidência das incertezas que permanecem no mundo financeiro global. As perspectivas de baixo crescimento e o perigo da deflação continuam rondando as principais economias.
Mesmo com o preço das ações não representando, em sua maioria, as expectativas de lucros a farta quantidade de recursos despejados pelos bancos centrais continua impulsionando os preços, em especial os das commodities.
É certo que existe uma grande probabilidade de o mundo ter crescimento econômico menor que o esperado, no entanto, com tantos recursos disponíveis no curto prazo parece improvável que tenhamos um recuo significativo nos preços dos ativos.
Medo e esperança são ingredientes que turbinam essa volatilidade atual.
No cenário interno esta semana é aguardada para esta semana o anuncio da nova equipe econômica do governo interino de Temer, as atenções estarão voltadas em especial para a indicação do novo presidente do Banco Central do Brasil.

Juros: Com toda essa mudança de rumo na economia que se prenuncia com a mudança da diretoria do Banco Central o mercado de juros futuros deverá ter poucas variações em suas projeções.
Expectativa para a semana: Estabilidade na curva

Câmbio: A recente valorização do dólar perante demais moedas observada no dollar índex foi mais um movimento de realização que de mudança de tendência de queda que tende a permanecer. O real mesmo com as atuações do BC nos swaps reversos irá continuar se apreciando perante a moeda norte americana.
Expectativa para a semana: Acomodação com recuo para patamares de R$ 3,40/3,50

Bolsa de Valores: Ações são os ativos mais suscetíveis às mudanças de humor dos mercados e os mais aderentes à alta volatilidade hoje presente. As incertezas de hoje continuam provocando grande procura pelos chamados “ativos reais” como as commodities, a subida em especial dos preços do petróleo inexoravelmente arrastam o Ibovespa para patamares mais altos, mesmo com toda volatilidade e incertezas de novos rumos que a economia brasileira possa ater no curto prazo.
Expectativa para a semana: 52.500/53.500

“A criatividade consiste em ver o que todo mundo vê e pensar o que ninguém pensou.” Szent Gyorgi

*As opiniões aqui contidas são pessoais e não representam recomendação de compra ou venda de ativos financeiros. Desta forma, os autores estão isentos de quaisquer responsabilidades sobre as decisões de investimentos tomadas por seus leitores.
O Aviso em Dois tem como finalidade a troca de ideias, informações e conhecimentos técnicos com os leitores e participantes do mercado financeiro.

About

Economista e Palestrante. CEO do Portal Aviso em Dois e do Projeto Arrisque

View all posts by

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *