Uma homenagem à Revolução dos Cravos

Fotografia de Adriano Correia de Oliveira

Homenageamos a Revolução dos Cravos com o fado de Adriano Correia de Oliveira, um dos músicos que traduziu em canções simples e fortes seu tempo e seu povo.

 

Pátria

 

Pescador do Rio Triste

 

Canto dos Malhadores

 

Canto dos Ceifeiros

Permeia por sua obra a atenção à gente simples, do campo. “Deitar cedo, cedo erguer. Comer pouco, andar alegre.“, canta Adriano Correia de Oliveira, em meio a uma sessão rítmica com nítida influência africana.

 

Ver também:
Discografia Adriano Correia de Oliveira
Revolução dos Cravos
Estado Novo (Portugal)

About

View all posts by

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *