New York Youth Symphony Jazz Band

unnamed4

New York Youth Symphony Jazz Band

faz  turnê pela  primeira vez no Brasil

 

18 de Março – Auditório Ibirapuera

19 de Março – Unibes Cultural

22 de Março – Bourbon Street

 

A NYYS apresentará repertórios diferentes em cada  exibição

A New York Youth Symphony Jazz Band fará uma turnê no Brasil de 18 a 22 de março de 2016, como sua primeira temporada internacional. Com direção artística de Matt Holman, as apresentações permitirão aos jovens músicos a oportunidade de conhecerem um novo país, sua cultura e seus costumes, graças ao poder aglutinador da música.

O roteiro dos shows prevê um tributo ao cofundador do bebop, o trompetista Dizzy Gillespie, incluindo alguns clássicos de seu repertório, como Things to Come, Con Alma e Oop Bop Sh’Bam. Também não faltarão arranjos jazzísticos para obras clássicas de Verdi, Brahms e Bizet. Big Wheelie, encomendada pela NYYS ao jovem saxofonista e compositor americano Brian Krock, completará o programa.

 

NYYS Jazz Band

The New York Youth Symphony’s Jazz Band reúne instrumentistas de sopro e percussão dedicados a estudar, ensaiar e apresentar um repertório amplo e didático dos maiores clássicos do jazz. Tendo como referência as bandas dos anos 1930 e 1940, o projeto preserva essa herança mantendo as tradições e incorporando estilos atuais e emergentes que definem o gênero jazz para a geração atual.

Atualmente em sua 14 ª temporada nova-iorquina, eles têm passagens por templos jazzísticos tradicionais dos Estados Unidos como oDizzy’s Club Coca-Cola, o Appel Room at Jazz no Lincoln Center, o Greenwich Music House e Garage Restaurant and Café, em Nova York.

 

Sobre o NYYS

O NYYS é um dos programas de música para a juventude mais premiados dos Estados Unidos, reconhecido por seu conteúdo inovador, sua facilidade de acesso e seu potencial incrível de descoberta de novos e precoces talentos do jazz. Criado em 1963 para agregar, formar e estimular os músicos mais talentosos da área metropolitana de Nova York, entre 12 e 22 anos, suas atividades, desde então, cresceram bastante e passaram, por exemplo, a abranger a música de câmara e a estimular a atividade de composição.

Como um programa educacional gratuito, o NYYS se orgulha da diversidade socioeconômica de seus alunos e por difundir entre eles, constantemente, valores fundamentais para a construção de uma futura carreira sólida e sedimentada, possibilitando ao grupo oportunidades excepcionais. A estrutura do projeto permite a distribuição de mais de US$ 1 milhão em bolsas de estudo, para que entraves de ordem meramente financeira não virem obstáculos impeditivos, permitindo assim que todos os alunos qualificados possam participar de seus programas de grande impacto, como esta viagem para o Brasil.

Além das apresentações, essa passagem pelo Brasil foi meticulosamente pensada como forma de proporcionar aos alunos de jazz uma série de intercâmbios com valor cultural inestimável. ​​O objetivo é contribuir para que ampliem suas visões de mundo, dando-lhes novas perspectivas a respeito do que significa ser hoje um cidadão global.

 

Formação

Saxofone alto

Michael Bliss

Kacey Fassett

 

Saxofone tenor

Justin Jones

Isak Gaines

 

Saxofone baixo

Adrian Condis

 

Trumpete

Keefe Martin

Benny Troschel

Ben Seacrist

Henrique Carneiro

 

Trombone

Kevin Kapinos

Greg DeAngelis

Ben Weisiger

Josh Mirman

Guitarras

Mark McIntyre

 

Piano

Matt Malanowski

 

Baixo

Aron Caceres

 

Bateria

Tim Rachbach

 

  • Programa Auditório Ibirapuera – 18/03 – Sexta-feira

Matt Holman, Maestro

Anvil Chorus – Giuseppe Verdi (arranjo: Jerry Gray)

Prelude Op. 28, No. 20 – Frédéric Chopin (arranjo: Mike Fahie)

Bizet Has his Day – Georges Bizet (arranjo: Ben Homer)

The Maids of Cadiz – Léo Delibes (arranjo: Gil Evans)

Song of the Volga Boatmen – Música do folclore russo (arranjo: Bill Finegan)

Big Wheelie – Brian Krock (música comissionada)

Hungarian Dance #5 – Johannes Brahms (arranjo: Billy May)

The Lamp is Low – Peter DeRose/Bert Shefter (arranjo: Ernie Wilkins)

Yes We Can-Victory Dance – Robin Eubanks

Lover Man – Jimmy Davis, Roger Ramirez, James Sherman (arranjo:  Robin Eubanks)

A Seeking Spirit – Robin Eubanks

MDM – Charles Mingus (arranjo: Robin Eubanks)

 

Serviço Auditório Ibirapuera

Dia 18 de março, sexta-feira, às 21h

Duração: 90 minutos (aproximadamente)

Entrada franca.  Distribuição de ingressos na bilheteria do Auditório, uma hora e meia antes da apresentação. Limite de dois ingressos por pessoa. Sujeito à lotação da casa.

Classificação indicativa: Livre.

Auditório Ibirapuera – Oscar Niemeyer

Capacidade: 800 lugares

Av. Pedro Alvares Cabral, s/n – Portão 2 do Parque do Ibirapuera

(Entrada para carros pelo Portão 3)

Fone: 11.3629-1075

info@auditorioibirapuera.com.br

http://www.auditorioibirapuera.com.br/

Ar-condicionado. Acesso a deficientes. Proibido fumar no local.
Estacionamentos / Transporte:
Estacionamento do Parque Ibirapuera, sistema Zona Azul – R$ 5,00 por duas
horas. Dias úteis das 10h às 20h, sábados, domingos e feriados das 8h às 18h
Ônibus:

Linha 5154 – Terminal Sto Amaro / Estação da Luz

Linha 5630 – Terminal Grajaú / Metrô Bras

Linha 675N – Metrô Ana Rosa / Terminal Sto. Amaro

Linha 677A – Metrô Ana Rosa / Jardim Ângela

Linha 775C/10 – Jardim Maria Sampaio / Metrô Santa Cruz

Linha 775A/10 – Jd. Adalgiza / Metrô Vila Mariana

O Auditório Ibirapuera não possui estacionamento ou sistema de valet. O estacionamento do Parque Ibirapuera é Zona Azul e tem vagas limitadas. Sugerimos que venha de táxi ou transporte público

Horários da bilheteria:

Sextas-feiras e sábados, das 13h às 22h

Domingos, das 13h às 20h

Giovanna Leopoldi

Itaú Cultural

Auditório Ibirapuera | Assessora de Imprensa

imprensa@auditorioibirapuera.com.br

fone 55 11 3629 1017

celular 55 11 96461 0346

  • Programa UNIBES – 19/03 – Sábado

*** ainda não definido

 

  • Programa Bourbon Street – 22/03 – Terça-feira

Matt Holman, Maestro

Pickin’ The Cabbage (1940) –  Dizzy Gillespie

Grand Central Getaway (1945) – Jimmy Dorsey/Dizzy Gillespie

Tempus Fugit (1949) – Earl “Bud” Powell –  Arranjo: Gil Fuller

Con Alma (1954) – Dizzy Gillespie – Arranjo: Michael Mossman

A Night in Tunisia (1944) – Dizzy Gillespie

Good Bait (1944) –  Tadd Dameron e Count Basie

Manteca (1947) – Dizzy Gillespie/Chano Pozo – Arranjo: Gil Fuller

Oop Bop Sh’bam (1946) – Dizzy Gillespie – Arranjo: Gil Fuller

Lover Man (1941) – Jimmy Davis, Roger Ramirez, James Sherman

Arranged by: Bill Holman

Round Midnight (1944) – Thelonious Monk –  Arranjo: Dizzy Gillespie

Mirrorshift (2015) – Mariel Austin

First Music Commission

Things to Come (1946) – Dizzy Gillespie – Arranjo: Gil Fuller

Serviço Bourbon Street

Local: Bourbon Street | Rua Dos Chanés, 127 – Moema – SP

Bilheteria Bourbon Street: Rua dos Chanés 194 – de 2ªf.a 6ª.f das 9h às 20h, sábado e feriado das 14h às 20h

Fone para reserva: (11) 5095-6100 (Seg. a sexta) das 10h às 18h

Data : 22/03/2016 – terça-feira

Horário: 21h30

Abertura da casa: 20h

Duração: 80 min. aproximadamente

Couvert  Artistico: R$ 35,00

Venda também pela  Ingresso rápido – 11 4003 1212 – www.ingressorapido.com.br

Censura: 18 anos e 16 anos acompanhado de responsável

Capacidade: 450 pessoas

Estacionamento/ Valet: R$ 25,00

Aceita todos os cartões de débito e crédito.

Acessibilidade motora

Ar condicionado.

Wi-fi ( solicitar senha na casa)

Homepage: http://www.bourbonstreet.com.br/

 

Assessoria de  imprensa Bourbon Street

Maria Inês Costa maic@maic.com.br

11 99237.8666/  3277.8763

 

About

Economista e Palestrante. CEO do Portal Aviso em Dois e do Projeto Arrisque

View all posts by

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *